Pilotos e comissários aprovam fim da greve nos aeroportos

Por Br Hoje
25 de dezembro de 2022
Foto Reprodução
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin
Share on reddit

Pilotos e comissários aprovaram neste domingo (25) o fim da greve nos aeroportos, após cinco dias de paralisações de duas horas diárias. O anúncio foi feito pelo presidente do Sindicato Nacional dos Aeronautas, Henrique Hacklaender, após 5834 trabalhadores votarem em assembleia on-line.

“Nós aprovamos, então, a convenção coletiva da aviação regular para 2022 até 2023 com aqueles termos que foram expostos”, disse em live publicada no site oficial do sindicato.

A categoria aprovou o fim da greve com 70,1 % dos votos favoráveis à convenção coletiva, contra 28,8% contrários. Os trabalhadores aceitaram a terceira proposta feita pelas empresas.

Após rejeitarem uma proposta de 1% de aumento real, os trabalhadores suspenderam no sábado (24) as paralisações para que a categoria analisasse e votasse uma nova proposta apresentada pelas empresas aéreas.

“A proposta prevê reajuste de 6,97% nos salários fixos e variáveis, a incidir também nas diárias nacionais (R$ 94,96), e vale alimentação (R$ 495,50), piso salarial, seguro, multa por descumprimento da Convenção. O teto para recebimento do vale alimentação passará a ter o valor de R$ 5.989,87. Os reajustes acima propostos não incidem nas diárias internacionais”, diz o sindicato em nota.

“A proposta prevê também a definição do horário de início das folgas e indenização por descumprimento por parte das empresas, e a possibilidade de início de férias em sábados, domingos e feriados, bem como a renovação na íntegra das demais cláusulas sociais. Desta forma, o SNA convoca todos os aeronautas associados de aviação regular para votação on-line da proposta”, completa.

 

Últimas notícias