Huck critica gastos bilionários fora do teto planejados por Lula

Por Br Hoje
19 de novembro de 2022
Foto Reprodução
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin
Share on reddit

O apresentador da Rede Globo, Luciano Huck, se posicionou contra os gastos bilionários, fora do teto, previstos pelo governo do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT). O comunicador destacou que a responsabilidade fiscal é necessária para assegurar a proteção social.

“Um país com as contas em ordem ganha em investimentos, estabilidade, mobilidade social e garante aos mais pobres um Estado com serviços de melhor qualidade em educação, saúde, segurança e proteção social. Enxergo como Armínio Fraga, Pedro Malan e Edmar Bacha”, disse Huck, citando economistas que se posicionaram contra a medida nesta quinta-feira (17).

A PEC de transição do governo prevê exceder o teto de gastos em quase R$ 200 bilhões para viabilizar promessas de campanha do petista, como o pagamento do Bolsa Família de R$ 600 e o aumento do salário mínimo acima da inflação.

Durante evento da Conferência das Nações Unidas sobre Mudança Climática (COP27) nesta quinta-feira, o presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) criticou o limite das despesas e defendeu que é necessário priorizar o social. De acordo com ele, não vale a pena recuperar o país se as questões sociais não forem solucionadas.

“Ah, mas se eu falar isso vai cair a Bolsa, vai aumentar o dólar? Paciência! Porque o dólar não aumenta e a Bolsa não cai por conta das pessoas sérias, mas por conta dos especuladores que vivem especulando todo santo dia. Nós vamos cumprir meta de inflação, sim. Mas nós temos que ter meta de crescimento”, declarou o petista.

 

Últimas notícias