Evento presencial do aniversário da Batalha do Jenipapo é cancelado após chuvas

Por Br Hoje
11 de março de 2022
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin
Share on reddit

O Governo do Piauí cancelou o evento presencial de comemoração dos 199 anos da Batalha do Jenipapo, que aconteceria no monumento Heróis do Jenipapo, no próximo domingo, 13 de março. A medida foi adotada por causa das fortes chuvas ocorridas na cidade de Campo Maior nos últimos dias.

O cancelamento foi confirmado nesta sexta-feira (11) e foi necessário porque a primeira etapa das obras de reforma e requalificação do monumento não foram concluídas em tempo hábil para a realização das solenidades comemorativas

“Com isso, o local ficou impossibilitado de receber a tradicional solenidade cívico-militar alusiva a essa importante data, sem garantir as condições de segurança e conforto para a população, homenageados e autoridades”, diz trecho da nota enviada ao Cidadeverde.com.

Apesar disso, o Governo planeja celebrar os 200 anos da Batalha do Jenipapo através de um evento online, com todos os convidados e homenageados previstos.

Confira a nota na íntegra

13 de março | 199 anos da Batalha do Jenipapo

Informamos que as fortes e constantes chuvas ocorridas na região de Campo Maior prejudicaram a conclusão da primeira etapa das obras de reforma e requalificação do monumento Heróis do Jenipapo, localizado no município, ações que visam preparar esse símbolo da bravura do povo piauiense para as comemorações dos 200 anos de independência.

Com isso, o local ficou impossibilitado de receber a tradicional solenidade cívico-militar alusiva a essa importante data, sem garantir as condições de segurança e conforto para a população, homenageados e autoridades.

Diante do fato, e para não deixar de reverenciar os valores que essa data representa para a nossa identidade e a nossa história, a solenidade acontecerá apenas de forma online, com todos os convidados e homenageados previstos, podendo ser acompanhada pela internet.

Agradecemos a compreensão.

Fonte: Cidade verde

Últimas notícias