Idosa de 64 anos morre atropelada por carro na BR-316 no Piauí

Por Br Hoje
2 de julho de 2024
Foto Reprodução

Uma idosa de 64 anos, que não teve o nome revelado, morreu após ser atropelada por um carro na BR-316, no município de Campo Grande do Piauí, a 354 km de Teresina, na noite desta segunda-feira (01).

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), após o acidente, o motorista se evadiu do local, abandonando o veículo na rodovia.

Sobre a causa presumível do ocorrido, a PRF acrescentou que seria a ausência de reação do condutor. Com o impacto da batida, o para-brisa e uma parte da capô do carro ficaram destruídos.

Uma equipe da perícia criminal da Polícia Civil do Piauí também foi acionada ao local.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) deu início, neste mês de julho, à operação Férias 2024 nas rodovias do estado do Piauí. Em entrevista ao programa Notícia da Manhã, o inspetor Adel Barbosa destacou que o objetivo é reduzir o número de óbitos em relação ao mesmo período do ano passado.

“A gente terminou o festejo junino e agora a ideia é garantir segurança viária durante as férias para todos que viajarem no Piauí. Iniciamos já, infelizmente, com dois óbitos ontem (01). No ano passado, durante as férias, 17 pessoas vieram a óbito, então queremos evitar que isso aconteça este ano”, pontuou.

Entre os focos da operação, Adel Barbosa menciona a fiscalização de motociclistas, velocidade, ultrapassagens e consumo de bebidas alcoólicas, especialmente nos destinos ao litoral e ao sul do estado.

“Vamos fiscalizar toda a BR com bafômetro, etilômetro e verificar ultrapassagens proibidas. A motocicleta ainda é nosso maior problema, especialmente em relação a colisões frontais, pois muitos motociclistas não usam capacete e invadem a faixa contrária. Também vamos fiscalizar o uso do cinto de segurança e cadeirinhas para crianças”, acrescentou o inspetor.

Sobre a gravidade dos acidentes nas rodovias do Piauí, o inspetor destacou que a principal causa é a entrada na BR sem observar a presença de outros veículos.

“A causa principal é adentrar na rodovia sem observar outros veículos. O condutor sai de uma cidade pequena, entra na BR e não percebe a aproximação de um veículo maior, causando uma colisão. Essa colisão é muito forte e, geralmente, resulta em óbito. Pedimos a todos que dirijam com atenção, façam revisão no veículo e usem o cinto de segurança”, ressaltou.

Fonte: Cidade Verde

Últimas notícias