Homem é preso suspeito de estuprar e matar bebê no Piauí

Por Br Hoje
22 de dezembro de 2022
Foto: Divulgação /PM-PI
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin
Share on reddit

Um homem, identificado como Elias Sousa e Silva, foi preso na manhã desta quinta-feira (22) na cidade de Palmeirais suspeito de estuprar e matar um bebê de apenas quatro meses. Revoltada, uma multidão de populares cercou e tentou invadir o 19° Distrito Policial, onde encontrava-se detido. Ele foi transferido para a Central de Flagrantes em Teresina e chegou por volta das 16h20.

“A polícia local realizou a prisão dele e a população revoltada tentou invadir a delegacia para matá-lo. Já jogaram pedra e atiraram contra a delegacia. Estamos esperando mais reforço chegar de Teresina. O clima está tenso. Muita gente na frente da delegacia, já fizeram uma barricada, tocaram fogo”, informou Pablo Vilarinho, da Polícia Militar.

A prisão foi efetuada pela Polícia Civil após a equipe médica do Hospital Aristides Saraiva de Almeida notificar a suspeita de estupro e a morte do bebê. “Fomos até o hospital, constatei e  fui saber quem era a mãe. Ela deu o nome da pessoa suspeita. Informei o delegado titular e fomos as diligências. Trouxemos a mãe para a delegacia e fomos atrás do autor”, explicou o agente Peruano.

O corpo da criança chegou ao Instituto Médico Legal (IML) de Teresina por volta das 13h. A polícia ainda aguarda reforço para conseguir encaminhar o suspeito para a Central de Flagrantes da capital.

Bope e Rone são acionados

O comandante de operações do Bope, tenente-coronel James Sean, informou ao Cidadeverde.com que parte do efetivo foi deslocado para a cidade.

“Enviamos uma equipe de negociadores do Bope e uma equipe da Rone voltada para o controle de distúrbios civis, se tiver a necessidade de emprego de uma forma menos letal. A ideia é que ele seja trazido para ser autuado em Teresina. O caso está gerando uma comoção”, disse o comandante.

O escrivão Sobrinho, da Polícia Civil de Nazária, disse que o crime foi realizado na noite de ontem na casa da vítima.

“O crime aconteceu ontem, por volta das 19h30, na casa da vítima. Aí hoje a Polícia Civil teve a informação, fez a diligência efetuou a prisão do acusado”, disse o policial.

Segundo ele, o crime foi denunciado pelo Conselho Tutelar após populares procurarem a delegacia e comunicar o fato.

O suspeito tem antecedentes criminais por homicídio em Palmeiras, segundo informou a polícia. A mãe teria sete filhos, sendo dois adolescentes.

O  investigador José Francisco, o Peruano, disse que a prisão foi efetuada às 10h.

“A médica ligou para mim informando que havia uma suspeita no hospital de Palmeirais. Então, fomos até o hospital onde ficou constatado o estupro com violência. Ele era conhecido, fomos atrás. Ele deu trabalho, fugiu, foi a maior luta pra prendermos ele”, disse o investigador.

“Ele está negando. A mãe está aqui e confirma que foi ele”, acrescentou.

Fonte: Cidade Verde

Últimas notícias