Presidente do Podemos diz que Moro fica na sigla e que União Brasil indicará vice

Por Br Hoje
11 de fevereiro de 2022
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin
Share on reddit

A deputada federal Renata Abreu, presidente nacional do Podemos, descartou nesta quinta-feira (10) a possibilidade de que o ex-juíz Sérgio Moro deixe o partido para se filiar ao União Brasil.

Segundo a parlamentar, a tendência é de que os partidos formem uma aliança na qual o União Brasil fará a indicação de vice na chapa que será encabeçada por Sérgio Moro.

“Temos uma conversa com o União houve um convite de alguns membros, mas o projeto foi construído no Podemos, o Sérgio Moro fica no Podemos e tem uma ala grande do União que quer uma aliança com Sérgio Moro. Então, vamos trabalhar na aliança partidária”, frisou.

Eleitorado

A deputada explicou que aposta na convergência do eleitorado para captar votos daqueles eleitores que apresentam resistência aos nomes do pré-candidatos Lula (PT) e Jair Bolsonaro (PL).

Para Renata Abreu, por ser um nome que se coloca como convergente contra os dois adversários, é pré-candidato com maior potencial de crescimento na disputa.

“Existe um segundo voto de Bolsonaro e vice-versa-versa em Sérgio Moro, existe uma convergência entre vários eleitores. Bolsonaro tem de 10 a 12% que é o Bolsominion o resto é anti-Lula e anti-PT, da mesma forma quem vota no Lula é anti-Bolsonaro, então, dá para fazer essa migração dependendo da forma como vamos nos posicionar”, disse.

A deputada federal esteve em Teresina nesta quinta-feira (10) onde acompanhou Sérgio Moro em uma série de agendas em Teresina.

Fonte: Cidade Verde

Últimas notícias