Morre aos 49 anos Rita de Cássia, uma das maiores compositoras de forró do País

Por Br Hoje
4 de janeiro de 2023
Rita de Cássia
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin
Share on reddit

A cantora e compositora Rita de Cássia, famosa por clássicos do forró eletrônico como Saga de Um Vaqueiro e Meu Vaqueiro, Meu Peão, morreu aos 49 anos na noite desta terça-feira (3), em Fortaleza. A artista, que era uma das maiores compositoras de forró do Brasil, com mais de 500 músicas escritas, estava internada em uma Unidade de Tratamento Intensiva (UTI) de um hospital privado da capital cearense em tratamento contra fibrose pulmonar.

Rita de Cássia, que nasceu em Alto Santo, também no Ceará, teve suas canções conhecidas por bandas como a Mastruz com Leite, Aviões do Forró, Cavalo de Pau, Mel com Terra, Catuaba com Amendoim, Brasas do Forró e dezenas de outras, além de cantores como Kátia di Tróia, Amelinha, Frank Aguiar e Wesley dos Teclados, entre outros. Em suas últimas postagens no Instagram, comemorando o Natal e o Réveillon, ela estava com a voz enfraquecida. Na fibrose pulmonar, o pulmão fica com cicatrizes no tecido ou passa a ser mais endurecido, por algum motivo, o que diminuiu a capacidade de expansão do órgão no processo de respiração.

A morte de Rita, que morava em Fortaleza e deixou filhos, foi lamentada nas redes sociais por famosos como o poeta Bráulio Bessa. “Rita de Cássia, minha conterrânea e amiga, sua partida partiu nossos corações. Siga encantando os anjos com seu forró que tanto cantou o amo”, escreveu ele. “Luto! Não consigo acreditar”, desabafou a cantora Taty Girl.

Últimas notícias